terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Tudo tem seu tempo


Um sobresalto

Quem diria?

Nessa altura da vida

Não caberia

Aprendi assim

Tudo tem seu tempo

E agora não era

Esse oTempo

Já faz tempo

Agora é sossego

Onde ele esta?

Me enganaram

Não me contaram

O coração só tem

Um tempo

É o tempo de amar


(foto retirada do Google)

4 comentários:

missosso disse...

ah, coração, quem manda em teus destempos?

angela disse...

Ah, com certeza não sou eu.

Dalva M. Ferreira disse...

Ah! a vida, com seus igarapés e igapós...

angela disse...

Dalva
Disso nós entendemos...
beijos