segunda-feira, 16 de junho de 2008

maiakovski do jardim casqueiro

ducor ou non ducor?
a dúvida: aceitar a condução passiva ou recusá-la?
em 1500 na vila são paulo, a vida se resumia a prender ou ser prendido: tomar o corpo do outro ou ter o próprio corpo apropriado
e você? como parafusa a vida?

2 comentários:

Dalva Maria Ferreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dalva Maria Ferreira disse...

Digo:

"O poeta
é o eterno
devedor do universo
e paga
em dor
porcentagens
de pena."

Ah... vocês e esse seu jeito enviesado de falar as coisas! Eu gosto de Maiakowsky, demais. Mas pergunto: será que ele gostaria de mim? Palavras, palavras, palavras... É tudo tão vazio de significado, gentê.